6.1.16

Conheça o Projeto Einstein

A educação é a base para a mudança do país, isto é fato! Muitos jovens sentem vontade de ir além e sonham em cursar uma faculdade, mas não possuem condições. 

Que tal ajudar a fazer a diferença e ainda ganhar prêmios pela sua atitude? 

Apresento a vocês o Projeto Einstein.

Criado por estudantes universitários de Florianópolis, o objetivo do projeto Einstein é ajudar jovens de contextos sociais vulneráveis a se prepararem melhor para o vestibular por meio de cursos pré-vestibulares GRATUITOS oferecidos pelo projeto.


Criado por estudantes universitários de Florianópolis, o objetivo do projeto Einstein é ajudar jovens de contextos sociais vulneráveis a se prepararem melhor para o vestibular por meio de cursos pré-vestibulares GRATUITOS oferecidos pelo projeto.

Com a missão de fazer uma plataforma nacional, os estudantes uniram cursinhos pré-vestibulares sociais que possuem o mesmo intuito. Atualmente a iniciativa conta com mais de 300 voluntários e reúne cinco cursinhos sociais do Brasil. Já participaram do projeto mais de 1200 voluntários e mais de 15 mil alunos, sendo que dentre eles pelo menos 5 mil foram aprovados.

André Servaes, fundador do Projeto Einstein, conta o que o levou a tomar a iniciativa:
"Cresci em um ambiente de três culturas diferentes, austríaca, belga e brasileira, e com poucos anos já falava três línguas fluentemente. Na idade de entrar para a universidade, passei em uma das melhores. Mas faço parte de uma minoria. No Brasil 82,4% da população não tem condições de passar em um vestibular de universidade pública, majoritariamente devido a seu baixo preparo educacional. Reparei que a grande diferença entre eu e outros é a educação que me foi proporcionada".

André explica que os cursinhos funcionam com os próprios universitários lecionando as aulas. Um engenheiro pode dar uma aula de matemática, um estudante de biologia pode dar uma aula de biologia. Cada um dando aula na matéria que prefere, além de ensinar aos outros, vai praticar oratória, organização de pensamento, habilidades que ele vai poder levar para a vida (profissional ou não) não importa o que faça. Hoje o Projeto Eisntein conta com mais de 300 voluntários do ITA, USP, UNB, UDESC e UFSC, apenas em 2015 passaram mais de 1500 alunos.

Ok, você deve estar pensando "Como posso ajudar?". Vamos lá...

Atitudes simples fazem a diferença! Curta e divulgue o projeto nas redes sociais, apresente para os amigos, para a família, espalhe essa iniciativa super bacana da forma que você puder.

ajuda financeira é de extrema importância também, para crescer e se estabilizar ainda mais, o Projeto Einstein precisa da ajuda de todos, para assim transformar, juntos, a educação no país.

Por isso, foi feito o crowdfunding. "O crowdfunding pode ser brevemente dito como financiamento coletivo, você contribui certa quantia de dinheiro e recebe uma recompensa, no caso de projeto social como é o caso, muitas vezes simbólicos. No caso do Projeto Einstein, por exemplo, se você contribuir com 18 reais tem direito a pedir um agradecimento nas mídias sociais”, explica a  participante do projeto Kamila Martins. 

Entenda melhor sobre as recompensas:




Vale lembrar que o limite para colaborar com o crowdfunding é dia 12 de janeiro (terça-feira), depois desta data é possível ajudar através de outros meios. Entre em contato para saber mais!

Curtiu? Apoie essa iniciativa! Ajude a mudar vidas e investir no futuro do Brasil. 

SAIBA MAIS!

0 comentários:

Postar um comentário

 
ana lu fernandes - 2016 // voltar para o topo // design + código gbml