14.9.16

Indico: três filmes que se passam em NY

Eu sou a louca dos filmes. PRONTO, FALEI!
Tem coisa melhor que um balde de pipoca e um filminho? Para mim, poucas coisas superam isso.
No post de hoje, trouxe três indicações que são a minha cara e têm como cenário um dos meus lugares favoritos no mundo, Nova Iorque! Dois deles eu assisti durante o meu voo de volta do intercâmbio e um a colaboradora Milena me indicou porque justamente disse que tinha tudo a ver comigo. 

Como ser solteira

O primeiro é para reunir as amigas e assistir todas juntas.

Na comédia romântica "Como ser solteira", a personagem Alice, interpretada por Dakota Johnson, recentemente saiu de um relacionamento e não sabe como reagir ao término. Para a sorte dela, Robin, interpretada por Rebel Wilson, é uma amiga super animada daquelas que todo mundo deveria ter, especialista na vida noturna de Nova York, que ensina como aproveitar a solteirice e largar a deprê.

Na verdade, a história de Alice é a principal, mas temos mais duas personagens que lidam com a vida de solteira de diferentes maneiras. Lucy é a louca dos sites de relacionamento e acredita fielmente que vai encontrar o amor da sua vida na web. Quem deu vida à personagem foi a atriz Alison Brie. Por último, a Meg que é irmã da personagem central Alice. A médica, interpretada por Leslie Mann, é mais velha, independente e tem o sonho de ter um bebê por conta própria, sem precisar de um parceiro. Só que aí vem a vida e PLOFT! Muda tudo! Mas, óbvio que não vou dar spoiler porque quero muito que vocês assistam esse filme que ganhou um espaço no meu coração.

Em uma parte do trailer diz "Se você não está se divertindo sendo solteira, então você não está fazendo a coisa certa" e é MUITO ISSO! A trama vai te mostrar que ser uma single lady é tão bom quanto ter alguém pra esquentar o pé enquanto dorme e que, na verdade, você pode ter alguém para fazer isso sem precisar ter algo real oficial.

Um senhor estagiário

Ah, esse filme... <3

Definitivamente, eu queria ser a Jules Ostin, personagem principal interpretada pela atriz Anne Hathaway. Ah, como eu queria! É meu plano de vida trabalhar em algo como a empresa dela em Nova Iorque. Não tá entendendo nada, né? Calma, deixa eu explicar do começo.

Jules é a criadora de um site de venda de roupas (foda!!!) que tem só 18 meses mas possui mais de duas centenas de funcionários. Sua empresa cria um projeto de contratar idosos como estagiários, visando colocá-los de volta à ativa, e é aí que ela começa a trabalhar com Ben Whittaker, interpretado por Robert De Niro. Ben tem 70 anos, leva uma vida monótona e, justamento por isso, enxerga o estágio como uma oportunidade de se reinventar. Obviamente, ele consegue a vaga e vai conquistando o coração dos colegas de trabalho e até mesmo o da chefe, a Jules.

O filme é incrível e nos faz parar para pensar em uma porção de coisas. Faz uma pipoquinha, senta e dá logo o play!

Ah! Antes, dá olhada no trailer:


Mesmo se nada der certo

Quem me indicou esse filme foi a colaboradora Milena que sabe do meu amor por NY e quando viu lembrou de mim. Primeiro (e talvez o principal) motivo para você assistir: Adam Levine. Não! Não sai correndo procurar o filme ainda não! Termina de ler o post primeiro, tá?

"Mesmo se nada der certo" fala sobre a história de Gretta (Keira Knightley), uma cantora que se muda para Nova Iorque por causa de seu namorado Dave que também é cantor interpretado pelo Adam Levine. Acontece que logo após da mudança, o Dave dá um belo pé na bunda da Gretta. Com isso, ela começa a cantar em bares até que... TCHARAM! Ela é descoberta por um produtor de discos chamado Dan (Mark Ruffalo) e aí tudo começa a acontecer.. É lindo, lindo! No final, você pensa "que incrível ver a vida de outra perspectiva".


Espero de coração que vocês assistam as indicações e, acima de tudo, também gostem. Não esqueçam de me contar o que acharam! <3

Um beijo!

0 comentários:

Postar um comentário

 
ana lu fernandes - 2016 // voltar para o topo // design + código gbml