16.2.17

O que temos em comum com as mulheres de Friends

Carimbada na carteirinha fictícia de séries de muita gente por aí, Friends é uma série "velha" (o primeiro episódio foi exibido em setembro de 1994!) que nunca deixa de ser atual. É difícil conhecer uma pessoa que nunca tenha ouvido falar ou tenha assistido a pelo menos um episódio. Ainda na grade de exibição de canais pagos como a Warner, a série ainda está por aí, mesmo depois de 13 anos do fim da última temporada.

Eu sempre fui das pessoas que assistiu Friends em episódios aleatórios, quando queria algo pra assistir na TV e acabava parando entre algum dos 236 episódios em 10 temporadas. Eis que, em janeiro desse ano, decidi assistir do começo, do primeiro episódio da primeira temporada. Pra entender mesmo. Como os episódios são curtos - no máximo 25 minutos - e divertidos, eu comecei a incluir e assistir naqueles dias que a gente tá cansada e só quer ver uma coisa leve, sem que precise pensar muito, antes de dormir. Foi aí que meu caso com Friends começou. 

E a minha percepção e identificação com as personagens femininas também. Atualmente, nós usamos muitas peças, aderimos a composições e abrimos espaço no nosso coração pra peças que elas usam e muito. Não é engraçado como a moda sempre se renova mas também sempre tem traços do passado? Comecei a me interessar por ela quando percebi que a moda vai além de beleza, diferentes tecidos: moda é cultura, moda é história, moda é uma forma de se expressar, moda é um pensamento. 

Masssssssss, chega de enrolar. Eu vim aqui mostrar como Rachel, Phoebe e Mônica usam e abusam de looks que a gente ama e tem se viciado. Vem comigo!



Cês acharam mesmo que essa inovação veio de alguma blogueira do século XXI? Não mesmo!

Rachel e Phoebe abusam nas combinações com sobreposição. É vestido curtinho em cima de blusinha branca. Vestido longo em cima de manga comprida. Regata em cima de manga curta. São muitas variações mesmo. O incrível da sobreposição - ao meu ver - é como a gente pode usar a mesma roupa de formas completamente diferentes e pra ocasiões mais diferentes ainda. Eu AMO né gurias.



As jardineiras são as nossas queridinhas faz tempo, né? Comigo foi assim: usa na infância, pequena, depois lá pelos 10 anos, e agora, nos 20. Mas, nem como todo pokémon, a jardineira não evoluiu tanto assim. Hoje em dia ainda temos aquelas lavagens diferentes, curtinha, mais short, com saia, comprida, de veludinho, colorida, manchadinha. Só que esses modelos todos também tinha lá no acervo das personagens de Friends.  



Outra peça que sempre compõe o look das meninas - da Mônica e da Rachel, pra ser mais específica - é o já popular curinga no nosso guarda-roupas: cropped. Sério! Até eu que não gosto dessa coisa da barriga de fora tenho. Até porque, é só escolher bem a peça que vai acompanhar que a pele nem fica a vista. Na série, as garotas usam com tudo mesmo: calça de cintura alta, saia alta, saia baia, shortinho. Na primeira foto, a Mônica até usa com uma calça mais malha que marca a cintura e larga nas pernas, estilo pantcourt , modelo que a gente andou vendo bastante nos últimos meses nas lojas.



As camisas também dominam os looks lá na New York dos anos 90/2000. Desde aquela com nozinho na cintura e lisa, até as estampadas, com xadrez ou alguma estampa diferente. A Phoebe, praticamente a personificação do meme "diferentona", aparece sempre inovando nos looks, nas peças e até nos acessórios. Tem coisa atual que dá pra se inspirar, mas também tem que coisa que melhor deixa pra lá... Haha.

A Rachel também ama as camisas e adora usar num estilo mais regatinha e blusa jeans. Entre uma temporada e outra também dá pra pescar algumas camisas jeans em outros looks.



Além das dessas peças que mostrei acima, que vimos muito durante a série, existem algumas peças e combinações que aparecem de vez em quando e também são tão atuais quanto.

A calça de cintura alta com sapatos de saltinho ou tênis branco fazem parte do guarda-roupas da Mônica. Ela também ama usar regatinhas de alcinhas, mais cavadas, que dá pra se jogar no uso sem sutiã mesmo.

As peças mais diferentes e exóticas são a marca registrada da Phoebe, que tá sempre inovando e misturando estilos e estampas - de um jeito bizarro e de um jeito não bizarro, tá?!

Já a Rachel é a que poderia facilmente ser confundida com uma jovem de 2013 pra cá. Saias, croppeds, jardineiras diferentes, camisas e coletes. De longe, ela é a popular garota de looks like a Pinterest que a gente pira e acompanha muito.

E é isso. Espero que vocês tenham gostado de mergulhar um pouco nessa guarda-roupa anos 90 mas nem tão anos 90 assim. E, não menos importante, inspirem-se!

Beijo, beijo, 

0 comentários:

Postar um comentário

 
ana lu fernandes - 2016 // voltar para o topo // design + código gbml