29.5.17

Guia de Etiqueta: Redes Sociais

Oi gente! Há algumas semanas eu fiz um guia de etiqueta para caso você encontrasse seu ídolo saber o que fazer, se você não lembra clica aqui. Inspirada nesse post eu decidi fazer um guia de etiqueta para as redes sociais.

Vale lembrar que eu não sou nenhuma detentora da verdade e da razão e que o post expressa minha total opinião, a qual você não é nenhum pouco obrigado a concordar, mas é obrigado a respeitar. Dito isso, partiu diquinhas? Cola comigo.

Dica 1:  Nem sempre você precisa expressar sua opinião


''Mas nossa é a minha opinião'', sim e é exatamente por isso que nem sempre você precisa expressa-lá. Ela é sua e, portanto, pertence somente a você. A questão aqui é que ultimamente as pessoas têm usando suas opiniões mais para confrontar os outros do que para gerar uma discussão saudável, em que ambas as partes mostram seus pontos de vista sem tentar enfiar a sua opinião (e a aceitação dela) goela abaixo. Quer opinar? Beleza! Mas vamos seguir umas regrinhas antes disso?

1. Lembre-se de que o outro não precisa concordar com sua opinião, mas respeita-lá.
2. Sua opinião será, de certa forma, construtiva? Ok, opine.

Dica 2: Antes de opinar, pesquise sobre o tema


Essa dica está diretamente ligada a primeira e ela é tão importante quanto o que mencionamos acima. É fato que a gente forma nossa opinião com base nas informações que temos sobre aquilo, mas é sempre bom verificar mais a fundo antes de entrar numa discussão, né? Principalmente quando se trata de doenças (depressão, ansiedade, bulimia, entre outras) ou política. Conhecimento nunca é demais e é sempre bem-vindo, certo?

Dica 3: Cuide com as suas publicações


Muitas vezes a gente quer postar algo, seja no Facebook, Twitter ou Snapchat, mas esquece que aquele conteúdo atinge muitas pessoas. Portanto pense 1, 2, 3, 4, 5 ou quantas vezes forem necessárias antes de postar/comentar algo. Sempre se pergunte: Vale a pena? Vou acrescer algo com isso na vida das pessoas? Posso magoar alguém falando isso? Vou aguentar a barra se alguém quiser discutir esse tema? Minha mãe já dizia: Melhor prevenir, do que ter que remediar.

Dica 4: As palavras têm poder


Na verdade isso não é uma dica, e sim um lembrete. Muitas vezes a gente esquece o quanto as palavras são poderosas e podem afetar positiva ou negativamente algo ou alguém. Por isso é tão importante que a gente cuide com que fala por aí e essa dica aqui vale pra vida virtual e real.

Dica 5: Use as redes sociais para propagar coisas boas


É maravilhoso quando a gente entra no Facebook, Snapchat ou Instagram e vê mensagens positivas, vídeos de bebês rindo e brincando, fotos de momentos alegres de amigos que a gente gosta tanto, textos de boas ações que as pessoas fazem por aí, não é? Então use as redes sociais para compartilhar essas coisas boas. A gente não tá falando pra você parar de postar aquele desabafo básico ou contar sobre algo que deu errado no seu dia, mas procure sempre encontrar as lições positivas ''das coisas ruins'' que te aconteceram para compartilhar com o mundo. Vamos parar de só falar sobre compartilhar amor, vamos fazer isso!

Dica 6: Falou, tá falado


Mesmo que depois você apague, aquela publicação existiu e alguém leu. Portanto e mais uma vez: Cuidado com o que você vai compartilhar. Nem todo mundo curte ou comenta o que você posta, mas com certeza muitos vêem. 

Dica 7: Não concordar é diferente de não respeitar


Se a gente buscar no dicionário concordar significa estar de acordo, ou seja, significa que temos a mesma opinião ou visão sobre os fatos. Enquanto respeitar significa levar em consideração a opinião do outro, ou seja, reconhecer que o seu coleguinha tem direito de escolha e que as vezes ele pode escolher não gostar da mesma coisa que você. Isso não significa que você pode diminuir ou menosprezar essa escolha, pois ela não é sua. 

Dica 8: Um brinde ao que não é postado nas redes sociais


Talvez essa aqui não seja uma dica, mas um conselho de amiga: Nem tudo que você vive precisa parar na sua rede social. Aliás, enquanto estiver vivendo um momento importante, feliz, mágico, esteja 100% focado nisso. As melhores lembranças são aquelas que ficam na nossa memória. 

Lembre-se que: A rede social é sua, mas ela não atinge só você. Cuide, pense e repense sempre antes de postar algo. Seja um textão de desabafo, seja uma foto, seja comentar o post de outro amigo para expressar sua opinião. A gente não pode mais usar como desculpa ''a rede social é minha, eu posto o que eu quiser''. Se você não falaria aquilo pessoalmente para alguém, porque falar pela internet (direta ou indiretamente)? Sua rede social é uma extensão de quem você é na vida real. Pense sempre em como você quer ser visto pelas pessoas, isso é uma boa balança de medida para decidir se deve ou não postar algo. 

Eu tenho amado fazer esses posts de guia de etiqueta, então conta pra mim nos comentários qual tema você gostaria de encontrar nesses guias, eu vou amar saber.

Um beijo enorme, e boa semana pra vocês.



0 comentários:

Postar um comentário

 
ana lu fernandes - 2016 // voltar para o topo // design + código gbml